19/03/2021 - Autor: Equipe Porankatu



2021: como será para o turismo, gastronomia, cultura e similares?

Compartilhe

Infelizmente 2020 foi marcado como um ano em que tivemos que ver uma grande mudança acontecendo: nos trancamos em casa, passamos a ter medo do contato social. O lazer e entretenimento passou a ser somente virtual. Nos agarramos à ideia de que “é só uma fase, vai passar!” Mas a verdade é que 2021 chegou e junto com ele chegou a conclusão de que infelizmente ainda vai demorar para passar. 

Muitas cidades voltaram para as fases vermelha e laranja da pandemia, onde todos os estabelecimentos comerciais tem horário de funcionamento reduzido, e alguns sequer podem abrir. 

Os comerciantes da área de shows, bares, restaurantes e boates tentaram de todo jeito segurar seus negócios em pé, testaram delivery, mas começa a chegar uma fase em que o caixa, a reserva de caixa e até mesmo as economias pessoais estão se esgotando. 

O setor comercial foi obrigado a fechar em mais de um decreto de Lockdown. Muitos negócios não sobreviveram ao ano de 2020.

2021 e um pouco de esperança

A vacina está chegando. Estamos vendo o Brasil começar a ser vacinado e ter um pouco mais de esperança, mas já fomos avisados: ainda não será hora de se livrar das máscaras, nem de se aglomerar. 2021 ainda será um ano de distanciamento, de ficar em casa, infelizmente. 

Mas, apesar de tudo isso, a vida precisa continuar e todos nós precisamos nos adaptar. As crianças e adolescentes precisam voltar a ter aulas e as escolas, parquinhos e praças precisam voltar a ter vida. 

Mesmo com toda essa situação triste, estamos nos adaptando. Aprendendo a sorrir com os olhos, para que todos possam ver, mesmo com a máscara. 

Aprendendo a cumprimentar de longe e ainda assim demonstrar carinho. Estamos aproveitando mais a tecnologia para conseguir matar – pelo menos um pouco – da saudade que já está nos matando. 

Mas e a diversão? 

Como vocês já sabem, a Porankatu é uma plataforma de diversão. Nosso foco é em fazer com que você consiga se divertir todos os dias, da forma que fizer mais sentido para você. 

Pensando nisso, gostaríamos de trazer algumas dicas de como você pode se divertir mesmo sem ferir as regras do distanciamento social e sem colocar nem a sua vida, nem a de ninguém em risco. 

Não deixe de se divertir, mas tome todas as precauções possíveis e siga a risca as normas de segurança da OMS.

Cuide da sua saúde

O primeiro ponto, antes da diversão começar, é cuidar da sua saúde. Antes de seguir as nossas dicas, sempre verifique se você não está febril, se você está se sentindo bem, como está a sua saúde de forma geral. 

Isso serve para que você mantenha todos ao seu redor em segurança. A qualquer sinal de gripe, mal estar, dor de garganta, ou qualquer outro sintoma do COVID, vá para casa. Se isole e aproveite para descansar. Assim você mantém todos a sua volta em segurança. 

Além disso, se você teve contato com alguém que apresentou sintomas, fique em casa também! Faça o teste para descobrir se você foi ou não contaminado e só depois de ter certeza de que você não vai transmitir o vírus para ninguém é que você deve sair. 

Hora da diversão

Depois de tomados os diversos cuidados, pegue a sua máscara, o seu álcool em gel e procure o melhor local para se divertir! 

Se a sua cidade está na fase vermelha ou laranja, em que os bares e restaurantes não abrem, você sempre pode ir para alguma cidade próxima que não esteja com o acesso restrito. 

Você também pode procurar por cidades que estejam recebendo turistas e que não estejam com tudo fechado! 

Apesar de estarmos vivendo um momento crítico, ainda podemos, com os devidos cuidados, visitar as cidades vizinhas e nos divertir um pouco. 

Você também pode frequentar locais ao ar livre, como por exemplo praças, pontos turísticos naturais, etc. 

Tudo isso normalmente está aberto e pode ser que você encontre ali um novo hobbie! 

Enquanto o mundo todo se fecha, abra-se para novas possibilidades nesse 2021 difícil. 

Previsões para 2021 

É dificil prever o que vai acontecer, pois toda essa situação ainda é muito nova. Pode ser que com a vacina todos nós possamos voltar ao normal e ter a nossa vida de antes, assim como pode ser que esse seja o novo normal. 

Seja como for, não fique esperando. 

Se na sua cidade as coisas estiverem abertas, frequente os locais que você gostava de frequentar, vá com seus amigos até os bares e restaurantes que vocês costumavam ir. 

Fazer isso pode ser a diferença entre um comerciante falido e um comerciante que vai conseguir alimentar a sua família. 

Se não der pra sair, entre em contato com os locais que vocês costumavam frequentar e pergunte se estão operando via delivery. Ajude os pequenos comerciantes a se manter e a ter como colocar comida em casa. 

É importante lembrar que todas essas pessoas perderam a sua fonte de renda, que muitas vezes era o ganha pão da família. 

O mesmo vale para os hotéis e pousadas: se possível, viaje e se hospede. Tome as devidas precauções, mas lembre-se de que os donos e os funcionários precisam daquilo para viver, e que você também precisa se divertir! 

Ajude o comercio local e os setores mais afetados como puder. A ação solidária será crucial para sobrevivência e reaquecimento do mercado

Está na hora da nossa vida voltar a funcionar, está na hora de, mais uma vez, a gente se adaptar e começar a reviver a nossa economia. 

Precisamos nos divertir, voltar a ter momentos de prazer em grupo, voltar a encontrar os nossos amigos e a nos adaptar ao que pode ser o novo normal daqui pra frente. 

Nosso incentivo não é para que vocês saiam de casa e sejam displicentes, mas que a vida retorne ao normal – dentro do possível – tomando todos os cuidados necessários para que a transmissão não aconteça. 

Divirta-se, mas cuide de quem você ama e de todos que possam vir a ter contato com você. Cuide da sua saúde e a qualquer sinal de desconforto volte pra casa e fique em quarentena até que você tenha os resultados do exame. 

SEGMENTOS

SELOS

ETIQUETAS

2024 - Todos os direitos reservados